O projeto de tratamento de efluentes busca o correto tratamento do esgoto gerado, seja por uma residência, oficina ou indústria antes da sua destinação final. Os efluentes podem possuir características como altas concentrações de matéria orgânica, óleos e graxas, metais, organismos patogênicos, entre outros, que se não tratados adequadamente, podem causar danos à saúde da população e ao meio ambiente. O intuito dos projetos de tratamento de efluentes é o correto tratamento do esgoto gerado, seja por uma residência, oficina ou indústria antes da sua destinação final, de forma a atender aos padrões estabelecidos nas legislações e normas em vigor.

          São utilizadas algumas referências e normas para a elaboração do projeto, entre elas estão:

  • NBR 8160/99 – Sistemas Prediais De Esgoto Sanitário – Projeto e Execução;
  • NBR 7229/93 – Projeto, construção e operação de sistemas de tanques sépticos;
  • NBR 13969/97 – Tanques sépticos – Unidades de tratamento complementar e disposição final dos efluentes líquidos – Projeto, construção e operação;
  • Lei complementar LCM 60/2000, que trata do Código de Obras e Edificações no município de Florianópolis.

          O projeto compõe:  

  • Memorial Descritivo e Memorial de Cálculo do projeto incluindo o dimensionamento e especificações técnicas de todos os componentes do sistema; 
  • Plantas impressas e em arquivo digital (extensão .dwg) necessárias à perfeita compreensão e execução do projeto proposto; 
  • Manual de execução do projeto.

          Apenas especialistas podem avaliar e realizar a coleta de amostras para análise de diversos parâmetros que representam a carga orgânica e a carga tóxica dos efluentes. Precisa de um projeto de tratamento de efluentes? Entre em contato com a EJESAM!

×

Olá!

Estamos aqui para qualquer dúvida, sugestão e/ou orçamento.

× Como podemos te ajudar?